" /> Nutrição além dos nutrientes e calorias - Agarre o Mundo

Nutrição além dos nutrientes e calorias

Camila Barberino, Agarre o Mundo
escrito por Camila Barberino

Quem aí ama viajar? Imagino que todos que estejam lendo este artigo.

Então, em um blog que o foco principal é viagem, deve pensar, por que falar de nutrição aqui?

Certamente, conhecer os pratos típicos locais é um atrativo a mais em qualquer viagem, uma experiência muito enriquecedora!

Texto Nutrição, Agarre o Mundo

Além de saborear as iguarias, o turismo gastronômico nos leva a conhecer as histórias que envolvem a tradição do consumo dos alimentos.

De fato, experimentar a culinária local corrobora a amplitude do ato de comer, que não se restringe aos nutrientes e calorias.

Sim, comer também é cultura e nutrição não é fanatismo e radicalismo, porque certamente, saúde está bem longe dos extremismos.

Texto Nutrição, Agarre o Mundo

Sendo assim, nutrição vai muito além da contagem de calorias, de nutrientes e elaboração de planos alimentares.

Portanto vamos ampliar um pouco e falar da Nutrição de modo geral, assim, você poderá desmistificar alguns conceitos e comer “comida de verdade”, seja em casa ou em qualquer viagem.

Você tem fome de que?

Afinal, a verdadeira Nutrição não se preocupa somente com “o quê” você come. Mas também se importa com o “por que” e “como” você come.

Texto Nutrição, Agarre o Mundo

De fato, deve-se também prestar atenção às circunstâncias da alimentação, aos hábitos e restrições alimentares, além dos sentimentos e sensações que a comida desperta em cada um.

Com toda a certeza, saúde envolve bem estar físico, mental e social, por isso no processo de busca por uma alimentação saudável, é preciso contemplar o universo real e individual de cada um.

A nutrição não deve aprisionar, porque alimentação é contexto, convívio social, prazer e cultura.

Dessa maneira, “uma vida saudável” pode sim ter espaço para guloseimas e drinks, sem que isso esteja ligado a “erro, falta de foco ou deslize”.

A comida nutre, mas acima de tudo mata a fome, alegra, conforta e aproxima as pessoas.

E para falar sobre o tema, convidamos a nutricionista, Dra. Camila Barberino, @nutri.camilabarberino, especialista na abordagem comportamental, que olha para o indivíduo e para sua relação com a comida de um jeito diferente.

Dessa maneira, não impõe, sugere. Também não julga, não cobra, mas sim, compreende. E muitas vezes, ainda escuta mais do que fala.

Vamos lá?

Nutrição sob o olhar de Camila Barberino

Camila, Nutrição, Agarre o Mundo

O ato de comer envolve diversos fatores, que vão muito além da ingestão de nutrientes e calorias.

De tal forma que, aspectos psicológicos e culturais exercem forte influência nos hábitos alimentares.

Quando se sente triste come da mesma forma de quando está ansioso?

Já notou como suas emoções estão relacionadas com a escolha dos alimentos e com a forma de se alimentar?

Então, se nunca percebeu, sugiro observar!

No Brasil, país de dimensão continental, é possível perceber diferentes padrões alimentares, a depender da região e cultura local.

Aliás, tem um fato engraçado que aconteceu comigo e tem a ver com regionalismo e, de certa forma, com turismo.

Coco, Nutrição, Agarre o Mundo

Pouco tempo após formatura, fui morar no Rio de Janeiro e trabalhei por um período em um restaurante de refeições transportadas.

Lá eu era a responsável pelo planejamento das compras, dentre outras funções.

Certa vez, o estoquista me chamou, pois não entendeu a quantidade de coentro planejada por mim. Segundo ele, estava muito superior à esperada.

Conferi e achei que estava certo. Mas aí ele questionou, se naquela semana, teria muitas preparações com peixe no cardápio.

Então, descobri que no Rio, só usa aquela erva para peixes e frutos do mar.

Bem diferente da Bahia, onde é usada em quase todas as preparações, risos.

Abordagem comportamental na nutrição

No contexto atual, a nutrição tradicional que foca essencialmente no fator biológico, começa a ficar obsoleta.

Mulher com fita métrica, Nutrição, Agarre o Mundo

Assim, abre-se um caminho para a abordagem comportamental, que não exclui a importância dos nutrientes, nem a influência deles no funcionamento do organismo.

No entanto, enxerga a nutrição de uma forma mais ampla. Você já se perguntou por que come o que come?

De fato, dificilmente a resposta será porque determinado alimento é mais rico em tal nutriente.

Talvez você coma o que come porque são alimentos tradicionais e disponíveis na região onde você vive.

Quem sabe, seja porque lhe faz lembrar da infância, ou simplesmente, porque gosta do sabor.

Portanto, vale à pena refletir, sobre como e por que você come é tão importante, quanto o que também você come.

Fome e saciedade: vamos respeitar nosso corpo!

Entender e respeitar os sinais de fome e saciedade é fundamental para uma boa conexão não apenas com o corpo, como com o ato de comer.

Prato vazio com rosto triste, Nutrição, Agarre o Mundo

Como saber se estou com fome?

Certamente, perceba os sinais físicos, como queda de energia, “ronco do estômago”, “cabeça pesada”, aumento da salivação.

Além desses, em alguns casos (ou muitos), a presença da irritabilidade! risos…

Sabe-se que algumas pessoas tentam “enganar” a fome, bebendo água, por exemplo.

Mulher com sanduíche, Nutrição, Agarre o Mundo

No entanto, esta atitude aparentemente inofensiva, pode ser prejudicial, pois leva a um possível consumo excessivo numa próxima refeição.

E como saber se estou saciado?

Sem dúvida, a saciedade é percebida quando, após o consumo de alimentos, não se sente mais os sinais de fome descritos.

Ao mesmo tempo, existe uma sensação confortável, diferente de quando se come em demasia.

Sabe aquela história de que se deve comer de 3 em 3 horas?

Então, não é bem assim, pois nem todos os dias estaremos com o mesmo apetite.

Talvez alguns dias você sinta fome logo após o almoço e precise fazer um lanche mais reforçado. Embora, em outros dias, se satisfaça com uma fruta no meio da tarde.

Da mesma forma, a composição das refeições pode variar conforme nossas necessidades e vontades.

Enfim, já percebeu que em dias frios temos a tendência de preferir comidas mais densas? Já em dias de calor, alimentos mais frescos, não é? Afinal, não somos robôs!

Não existe alimento proibido!

Barra de chocolate, Nutrição, Agarre o Mundo

De fato, o equilíbrio é importante para tudo na vida! E não seria diferente com a alimentação.

Certamente, é possível, sim, ser saudável consumindo pizza, hambúrguer e doces. Mas a alimentação não deve se resumir ao consumo destes alimentos!

Além disto, vale lembrar que comer de tudo não significa comer tudo!

Em primeiro lugar, priorizar alimentos in natura e minimamente processados é um caminho possível e necessário para a saúde.

Mas aí vc pergunta: nutri, que alimentos são esses?

A saber alimentos in natura são aqueles adquiridos para consumo sem sofrer alterações, a exemplo de frutas, legumes, ovos e leite.

Verduras, Nutrição, Agarre o Mundo

Já os alimentos minimamente processados, passam por alterações mínimas na indústria, como moagem e secagem, que é o caso das farinhas e grãos.

Entretanto, o fato de priorizar esses alimentos acima, não significa dizer que alimentos industrializados, cheios de sal, açúcar e aditivos químicos (corantes, aromatizantes e conservantes, entre outros) não possam ser consumidos.

Café da Manhã. Nutrição, Agarre o Mundo

Assim, tudo depende do contexto e da frequência!

Da mesma forma, acontece com vegetais orgânicos, livres de agrotóxicos. Se puder fazer uso deles, ótimo para a saúde!

Mas caso não consiga, não é razoável deixar de consumir vegetais por este motivo.

Você sabe o que é Ortorexia Nervosa?

É o termo usado para um comportamento obsessivo em relação à alimentação saudável, cada vez mais comum nos dias de hoje.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a ortorexia atinge 28% da população ocidental.

Café Nutrição, Agarre o Mundo

Assim, neste comportamento, o indivíduo se recusa a consumir determinados alimentos, pois acredita que adoecerá, se o fizer.

Sem dúvida, pode ser bastante prejudicial para a vida social, uma vez que a pessoa deixa, muitas vezes, de frequentar lugares.

Dessa maneira, passa a evitar o convívio com amigos e familiares. Talvez por vergonha ou receio de recusar os alimentos que considera “vilões”.

Cabeça num prato, Nutrição, Agarre o Mundo

Além disso, pode ter ainda consequências emocionais, como ansiedade, perda de peso e consequente desnutrição, em decorrência das restrições excessivas.

Influência da propaganda na escolha alimentar

Ter autonomia ao comer significa fazer escolhas conscientes. Mas o que a mídia tem a ver com as escolhas alimentares?

Vou lhe contar.

De fato, a indústria de alimentos usa meios de comunicação e princípios de marketing para influenciar no comportamento alimentar, de tal forma que as fazem consumir seus produtos.

Já percebeu uma vontade repentina, de consumir um determinado sanduíche, após ver um anúncio? Ou ainda, salivar ao ver uma propaganda de um chocolate?

Seja honesto (a), quantas vezes um bordão de alguma marca de alimentos ecoou em sua mente?

Além das propagandas em meios de comunicação, observe a arrumação dos produtos nos supermercados e lojas.

Criança fazendo compras, Nutrição, Agarre o Mundo

Decerto, tudo é feito estrategicamente para influenciar a compra deles.

Sabe aquele corredor, cheio de doces, bem na fila do caixa? É um ótimo exemplo.

Sabendo disso, é possível ter um olhar mais crítico sobre esta influência, minimizando seus efeitos.

Assim, antes de comprar ou consumir determinado alimento, se pergunte: a vontade é genuína? vale realmente à pena?

Em síntese, pense no contexto e gerencie os excessos. Aprecie, deguste, saboreie e seja feliz..seja lá qual for o alimento!

Afinal, nutrição além de equilíbrio, é um dos prazeres da vida!

E assim nosso artigo chega ao fim…


E aí? Gostou do artigo? Já tinha ouvido falar da abordagem comportamental na nutrição?

Já fez alguma dieta restritiva ou da moda? Ou já sabe, que o segredo da boa alimentação é o equilíbrio?

Você acredita que o terrorismo nutricional vem bagunçando a cabeça de muitas pessoas?

Se tiver alguma dica para compartilhar, vamos adorar!

Para acompanhar nossas viagens em tempo real, siga-nos nas redes sociais. Lá temos atualizações diárias das nossas andanças pelo mundo, assim como fotos, dicas e links dos principais artigos aqui do Blog.

Qualquer dúvida já sabe: basta deixar um comentário.

Não se esqueça de deixar o seu like no fim do artigo, isso ajuda a levar nosso conteúdo a mais pessoas.

Ative as notificações do Blog, bem como se inscreva no nosso canal do YouTube para não perder as novidades!


Selamos pela qualidade da sua leitura

Optamos por manter o site limpo de propaganda, pois acreditamos na nossa missão de levar um conteúdo de qualidade e não seria justo com o leitor ter várias caixas de distrações.

Entretanto, se você quiser colaborar com o site do Agarre o Mundo, pode organizar toda a sua viagem através dos nossos parceiros, e você não gastará nenhum real a mais por isso e ainda ganhará desconto em alguns serviços.

Parceiros Agarre o Mundo

Saiba que podemos lhe ajudar em toda a sua viagem, e ainda se desejar um roteiro para curtir sua viagem, sem nenhum trabalho para organizar, basta contactar com o Blog.

Montamos desde roteiro personalizado e exclusivo conforme o perfil do viajante, até uma viagem completa, incluindo restaurantes, dicas de compras, chip, etc.

Beijinhos e até mais



Camila Barberino

Nutricionista clínica, descobriu e se apaixonou pela abordagem da nutrição comportamental, área que atua hoje.

Veja também

Compartilhe


3 comentários em “Nutrição além dos nutrientes e calorias

    1. Nós também adoramos ter você como colaboradora. O artigo ficou show. Exatamente o que o Agarre o Mundo defende. Podemos agarrar o mundo com saúde , mas sem restrições.O segredo é o equilíbrio. Gratidão mais uma vez e as portas do Agarre o Mundo estão abertas parra você sempre..bjoooo

Deixe uma resposta

VOLTAR AO TOPO
error: Content is protected !!