" /> Burg Eltz, um dos castelos mais lindos da Alemanha - Agarre o Mundo

Burg Eltz, um dos castelos mais lindos da Alemanha

escrito por Kenia Miranda

Burg Eltz ou Castelo de Eltz é um dos castelos mais lindos da Alemanha. Você quer saber o que o torna tão especial?

Os castelos mexem muito com a minha cabeça e é provável que mexa com a sua, assim como, com a de muitos viajantes.

Visitar um castelo me faz imaginar a vida no local alguns anos atrás, afinal, ali houve disputa e/ou conflito? Houve história de amor e/ou de ódio?

Enfim, cada castelo tem as suas inúmeras histórias, sejam elas lindas ou trágicas.

Nesse sentido, só de pensar como era a vida ali, não tem como não nos interessarmos pela história do lugar, assim como tentar sanar as curiosidades de como era viver numa época tão diferente da nossa.

A Alemanha é famosa por sua cultura e sua história, em virtude de seu povo guerreiro. E mesmo que uma parte desta história não seja tão bonita, ela tem ali uma história.

Seja como for, inclusive a parte trágica da história, nos faz refletir muito sobre o ser humano, suas ambições, suas conquistas e suas entranças internas.

Desta forma, a Alemanha é um país que sempre me chamou muita atenção e estava ali na minha lista de “lugares para se conhecer”, ou seja, estava na disputa entre os países que eu gostaria muito de conhecer e vivenciar o seu dia a dia.

De fato, no nosso roteiro, não tinha como deixar de fora os castelos mais lindos que a Alemanha tem.

Cada um com a sua beleza, por outro lado, seria impossível em uma única viagem conhecer todos os castelos da Alemanha.

Assim escolhi as cidades que ia visitar baseada nos castelos que gostaria de conhecer.

Parece loucura? Enfim, foi exatamente isso que eu fiz.

Conhecemos vários castelos entre eles: Reichsburg, em Cochem, de Lichtenstein, de Neuschwanstein, lembrando que cada cidade que passávamos tinha um ou mais castelos, com tamanha importância para a região.

O Burg Eltz foi o primeiro castelo visitado na Alemanha

Primeiramente, eu preciso confessar, esse castelo mexeu extremamente com o meu coração.

A sua localização e acima de tudo a beleza natural ao seu redor, faz qualquer pessoa sair dali com aquela linda imagem na cabeça, e te garanto que essa imagem ficará marcada em sua memória para sempre.

Depois de visitar este castelo, conhecemos outros igualmente lindos. Mas se você me pedir para pensar num castelo da Alemanha, minha cabeça vai diretamente ao Burg Eltz.

Esse castelo é de uma beleza tão ímpar por conta da sua imponente estrutura em perfeita harmonia com a natureza, que de fato o faz mais que especial.

Às vezes, nada melhor que uma bela imagem para tentar explicar o que as palavras não alcançam.

Burg Eltz, o majestoso castelo no alto de um rochedo de 70 metros de altura.
Burg Eltz, reinando no alto de um rochedo de 70 metros de altura.

A arquitetura do Burg Eltz

O Burg Eltz fica majestosamente no topo de um rochedo, ao mesmo tempo fica tão escondido, num vale estreito, cortado Rio Elzbach, um afluente do Rio Mosel.

Castelo de Eltz com seu telhado pontiaguda e suas janelas de arquibancada.
Castelo de Eltz com seu telhado pontiaguda e suas janelas de arquibancada.

De fato, a sua localização fez com que este castelo incrivelmente sobrevivesse intacto a todas as guerras.

O castelo foi construído sobre um rochedo de 70 metros de altura, medindo 40 metros de altura, entretanto se for adicionada a altura das fundações, a sua altura pode atingir 90 metros do nível do córrego.

Ele possui lindos telhados pontiagudos, oito torres, com lindas janelas de sacada, ou seja, com características que o faz um digno castelo de cavaleiro. Principalmente, o pátio interno do castelo mostra a história da sua construção durante seus cinco séculos de arquitetura.

Ao redor do castelo tem uma área para caminhadas, assim você poderá sentir a natureza mais intimamente.

No seu pátio externo tem um restaurante, aliás você pode fazer uma bela refeição contemplando tamanha beleza do local.

O que torna o Burg Eltz tão famoso e único

  • Primeiramente, o Burg Eltz pertence aos cuidados de uma única família desde a sua construção. E hoje está na posse da 34º geração.
  • Em segundo lugar o castelo oferece um arsenal e um tesouro de ouro e prata de deixar qualquer um de queixo caído.
  • Em terceiro lugar, devido a sua localização o castelo permaneceu intacto a todas as guerras.

A saber, apenas uma parte do castelo é aberta ao público, dado que as demais são de propriedade particular.

O proprietário atual do castelo é o Dr. Karl Graf Von e Zu Eltz- Kempenich, chamado Faust Von Stromberg. Ele vive em Frankfurt am Main.

Mais a frente eu vou lhe contar uma curiosidade sobre como a família permaneceu tanto tempo com uma propriedade compartilhada sem brigas e rupturas.

Caso você não tenha interesse em conhecer sua história e interior do castelo, não se preocupe, pois ele é tão lindo por fora que já vale a visita.

Como Chegar ao Castelo

O Burg Eltz fica localizado no estado de Rheinland-Plalz. Se você estiver em Klobenz ou Coblença, a visita é mais fácil, pois esta fica a 32,2 km do Castelo de Eltz, outra cidade bem próxima que vale muito a pena conhecer e que também tem um lindo castelo, é a cidade de Cochem.

Localização do Castelo de Eltz

Agora mesmo que você não esteja tão próximo, vale muito a visita.

Saímos de Frankfurt e fomos até o Castelo de Eltz, percorremos 150 km, pouca distância, principalmente se considerarmos as excelentes estradas alemãs.

Uma caminhadinha leve até o Castelo

Primeiramente, com a finalidade de cobrar o estacionamento, um senhor pede para os carros pararem, cobra 2 euros por carro para estacionar. Contudo não ache você que vai estacionar ao lado do castelo, vai mesmo parar bem distante.

Você fará ainda uma caminhada de 1,3 km se for pelo percurso de pedestres ou 800 metros, se você for pela estrada asfaltada.

Nós fomos pela estrada asfaltada, mas não sentimos muito a caminhada, uma vez que era descida e a vista do castelo era maravilhosa. Mas vou explicar porque não achamos muito pesada.

Já contei para você que adoro madrugar nas viagens com o propósito de seres os primeiros a chegar e muitas vezes, por um bom tempo, sendo os únicos nos pontos turísticos?

Vantagens de acordar cedo

No castelo de Eltz, não foi diferente, fomos os primeiros a chegar e por um bom tempo, também fomos os únicos visitantes. Como resultado, ao chegar ao local, o portão que delimita o fim do estacionamento estava aberto e nem percebemos quando passamos por ele.

Paramos num mirante para tirar foto, quando inesperadamente um funcionário nos abordou e pediu que retornássemos com o carro, pois o estacionamento tinha ficado lá atrás, se não tivesse parado ali, certamente iríamos até a porta do castelo.

Mas como já estávamos fora do carro, apenas o papai voltou para estacionar e fez o percurso caminhado. E quando chegou comentou que o estacionamento era mesmo longe. (risos)

Tem um micro-ônibus que faz o transporte dos turistas do estacionamento até o castelo, você pagará 2 euros por pessoa para usar esse transporte, não apenas na subida, quanto na descida.

Embora não tenhamos problemas com caminhadas, optamos por pegar o transporte no retorno ao estacionamento, já que a subida é bem íngreme e o Tiago já estava querendo colo, justo na subida.

Dica: Desça caminhando para tirar fotos e suba de transporte.

Estrada de asfalto até o Burg Eltz.
Estrada de asfalto até o Burg Eltz.

Sem fotos internas

Uma pena, mas não se pode tirar foto dentro do castelo, já que existem tantas relíquias dentro dele. Em contrapartida, no fim até gostamos disso, pois prestamos mais atenção ao que foi falado sobre cada quadro, cada salão, cada relíquia e cada mobília, muitas delas datavam o século 15.

Mas não é porque não pude tirar fotos internas que vocês não terão acessos a elas. Trago aqui algumas fotos oficiais do castelo.

Entre todas as salas que conhecemos dentro do castelo, com toda certeza, o salão do cavaleiro foi o que eu achei mais interessante.

Salão do cavaleiro

Esse salão possui uma importante armadura, o brasão, a rosa do silêncio e a cabeça de tolos, que simboliza a liberdade de expressão.

Estranho esse termo, cabeça de tolos, não achou? Vou lhe explicar o porquê deste nome.

Os tolos da Idade Média podiam dizer qualquer coisa sem ter que temer nada nem ninguém, ou seja, não teriam nenhuma consequência negativa por suas palavras.

No salão dos cavaleiros também tem a rosa do silêncio, com a finalidade de manter o sigilo sobre tudo que fosse falado naquele ambiente, assim nada dali poderia sair. Como resultado, todos os negócios da família eram tratados nesta sala.

Salão do cavaleiro
Foto por Martin Jermann, da FG Zeitz KG, Königsee via burg-eltz.de/en/eltz-castle-the-attractions/castle-tour

Esta rosa do silêncio também está desenhada na cama grande do dormitório de Rübernacher. É provável que tenha o mesmo objetivo, fato realmente levado a sério.  

A cozinha do castelo também é bem legal de se conhecer, permaneceu inalterada desde o século XV.

Foto por Martin Jermann, da FG Zeitz KG, Königsee via burg-eltz.de/en/eltz-castle-the-attractions/castle-tour

É legal observar, principalmente como eles mantinham os alimentos e os cozinhavam.

As obras de arte do Castelo

Você conhecerá várias obras primas como a pintura “Madona e a criança com uvas”, de Lucas Cranachs; as peças em ouro como o jogo de beber “A deusa Diana em um cervo”, de Joachim Friess e “Gula promovida pelo vício em bebida”, de Christoph Lindberger.

O tour Guiado

Todas as informações que eu tive acesso, o tour era somente em alemão, contudo como só estávamos nós e um casal de americanos, a guia se ofereceu para realizar o nosso tour em inglês, com toda certeza amamos o ocorrido.

Que sorte a nossa! Todo o percurso dentro do castelo com as apresentações de tudo que tem lá dentro, dura de 20 a 30 minutos.

Lembra que eu ia lhe contar como a família manteve a propriedade até hoje sem conflitos internos?

Em 1268, os irmãos Elis II, Guilherme II e Theoderich compartilharam o Castelo de Eltz e suas propriedades comuns e doaram as três principais linhas da família: “com o leão de ouro”, “com o leão de prata” e “com os chifres de búfalo”.

Algum tempo depois, eles fundaram a comunidade de Ganerben.

Olha como foram inteligentes, eles criaram um Código de conduta que regulava a coexistência do castelo, com o fim de evitar que algum membro da família violasse o dever de manter a paz dentro do castelo.

Caso isso acontecesse, como resultado, penas severas seriam aplicadas, sendo tudo regulado com alta precisão. Havia penalidade para vários crimes, ofensas ou omissões.

O código também regulava similarmente questões econômicas e organizacionais do castelo.

O castelo de um único dono

Essa constituição comum existiu até 1815. Quando a linha “com o leão branco” vendeu a sua parte no castelo, a comunidade Ganerben foi dissolvida.

A linha “com os chifres de búfalo” já havia desaparecido nos século 15 e mais tarde, no século 18 a linha Eltz-Rodendorf também desapareceu.

Assim, o castelo pertence hoje a um único proprietário, Kempenicher.

Brasão da linha do Leão Branco, com castelo de Eltz.
Brasão da linha do Leão Branco, do Castelo de Eltz.

Dicas de ouro: 

  1. Chegue cedo. O castelo abre às 9 horas no verão, chegamos por volta das 8 horas e aproveitamos para ter aquela vista maravilhosa só para nós.
  • Quando estiver comprando os tickets, você pode pedir um livrinho em português para acompanhar o tour dentro do castelo, pois eles fornecem esse livrinho gratuito e ainda fica de lembrança para você do tour dentro do castelo.

Horário

Entre o fim de Março e Outubro, o castelo abre das 9h30 as 17h30.

Entre Novembro e metade de Março, o castelo está fechado, mas não deixe de visitar mesmo que você não faça a visita interna. O lugar é mesmo lindo. E no inverno deve ser lindo também.

Valores (2019)

Adulto: € 10

Criança: € 6,50


E assim nosso artigo sobre o Castelo de Eltz chega ao fim…

E ai, você já tinha ouvido falar do Castelo de Eltz? Deu uma vontade enorme de conhecer? Você é como eu e gostaria muito de morar num castelo?

Se tiver alguma dica para compartilhar, vamos adorar! Não nos custa nada compartilhar informações e assim podemos com pouco, ajudar muito outras pessoas.

Qualquer dúvida já sabe: basta deixar um comentário.

Não se esqueça de deixar o seu like no fim do artigo, isso ajuda a levar nosso conteúdo a mais pessoas.

Para acompanhar nossas viagens em tempo real, siga-nos nas redes sociais. Lá temos atualizações diárias das nossas andanças pelo mundo, assim como fotos, dicas e links dos principais artigos aqui do Blog.


Selamos pela qualidade da sua leitura

Optamos por manter o site limpo de propaganda, pois acreditamos na nossa missão de levar um conteúdo de qualidade e não seria justo com o leitor ter várias caixas de distrações. Entretanto, se você quiser colaborar com o site do Agarre o Mundo, pode organizar toda a sua viagem através dos nossos parceiros, e você não gastará nenhum real a mais por isso e ainda ganhará desconto em alguns serviços.

parceiros

Saiba que podemos lhe ajudar em toda a sua viagem, e ainda se desejar um roteiro para curtir sua viagem, sem nenhum trabalho para organizar, basta contactar com o Blog.

Montamos desde roteiro personalizado e exclusivo conforme o perfil do viajante, até uma viagem completa, incluindo restaurantes, dicas de compras, chip, etc.

Beijinhos e até mais



Kenia Miranda

Brasiliense, sempre disposta a aprender e descobrir o novo, com um apreço enorme por novas culturas e costumes. Apesar de ser formada em Odontologia, está sempre buscando novos caminhos e novos aprendizados. Uma das suas frases preferidas: "Minha alma é muito livre para ficar presa seja lá no que for."

Veja também

Compartilhe


2 comentários em “Burg Eltz, um dos castelos mais lindos da Alemanha

  1. Acho incrível essa aventura de mãe e filha curtindo tudo juntas, superando as dificuldades para realizar seus sonhos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

VOLTAR AO TOPO
error: Content is protected !!