" /> Glaciar Perito Moreno: a oitava maravilha do mundo - Agarre o Mundo

Glaciar Perito Moreno: a oitava maravilha do mundo

Glaciar Perito Moreno visto da passarela.
escrito por Kenia Miranda

Se você gosta de aventuras, então vá conhecer o Glaciar Perito Moreno. Se você gosta apenas de ver a beleza e grandiosidade da natureza, então vá conhecer o Glaciar Perito Moreno.

Não é a toa que esse Glaciar é considerado a oitava maravilha do mundo. Assim, não deixe de conhecer.

Entendeu o recado? Esse é um dos lugares que você deve colocar no topo da sua lista, pois você nunca mais se esquecerá das imagens vistas ali. E ainda, para brasileiros tem a vantagem da “proximidade”, da ligação com “los hermanos” e com o câmbio.

El Calafate

A cidade de El Calafate, localizada na Argentina é pequena, mas não por isso, deixa de ser simpática e charmosa.

Muito pelo contrário, sentimos assim que chegamos, o clima serrano e aconchegante.

El Calafate é a base para os turistas se maravilharem com o grandioso Perito Moreno, um dos Glaciares mais lindos e grandes, ficando atrás apenas da Antártica e do Polo Norte.

Assim, como a cidade está baseada no turismo, na avenida principal você vai encontrar inúmeras empresas que oferecem os passeios. Além de restaurantes, lojinhas e vários hotéis.

Sofia sentada num banco em EL Calafate com um boneco.
Essa menina é uma graça. A cidade é cheia de bonecos.

Em relação aos passeios, não se engane, nem perca tempo buscando melhores preços, pois eles são praticamente tabelados.

Por exemplo, se você vai a uma das empresas e não tem mais a disponibilidade de passeios, eles fecham com outra empresa.

E anote aí, o melhor é já ir com os ingressos comprados!

Quando ir até o Perito Moreno

O melhor período é entre novembro e março. Muita atenção aqui, não invente de ir durante o inverno, já que o dia fica mais curto e muitos passeios não são realizados.

Mesmo no verão deles, lembre-se que você está quase no “fim do mundo”, assim venta muito e a sensação térmica é ainda menor.

El Calafate com 3ºC e sensação térmica de menos 9.

Dica “obrigatória”: Se suas roupas não são apropriadas para o frio de lá, compre as que são, no fim do post falo como fazer isso.

Mesmo que tenhamos ido em novembro, acredite, usando tudo que tinha direito, com as roupas apropriadas, ainda sentia um frio de congelar a alma (Confesso que sou muito friorenta).

Onde ficar em El Calafate

A cidade cresceu baseada no turismo, assim existem desde hostel bem em conta até hotéis 5 estrelas.

Anote: Não deixe para reservar de última hora, pois vão turistas do mundo todo até lá e você pode ter dificuldades em encontrar o que deseja ou o que cabe no bolso.

Prefira ficar hospedado próximo a Avenida Libertador General San Martín, que é a avenida principal, caso não esteja com um carro alugado. Se tiver pode até escolher um hotel ao lado do lago Argentino.

Nós ficamos no Calafate Parque hotel, um hotel bem aconchegante, com um restaurante interno maravilhoso, entretanto como disse anteriormente, escolha o que cabe no bolso.

El Cafafate Hotel
Fachada do Hotel.

Se desejar uma viagem sob medida, feita de acordo com o seu perfil de viajante, conte com o Blog, podemos fazer todas as reservas para você.

Onde comer

A avenida principal oferece vários restaurantes. Mas atenção aos horários, pois quando estamos viajando, tomamos o café da manhã e já saímos para os passeios, e geralmente o retorno é perto das 14 ou 15 horas.

E os argentinos têm como costume, a sesta, que é um repouso após o almoço. Como estávamos com uma criança, eles destrancaram a porta e nos deixaram entrar perto das 15 horas. Mais uma vez: Que sorte! O restaurante era só nosso e fomos super bem atendidos, com exclusividade.

Restaurante em EL Calafate.
Felicidade por poder comer.

Como disse tem restaurantes maravilhosos e não nos decepcionamos com nenhum. Mas tem um que você realmente não deve deixar de ir, chama-se Isabel Coccina al Disco, ele não fica na principal e talvez você não passe por ele, mas o encontre e aproveite.

Este restaurante é famoso por seus pratos, com carnes típicas da Patagônia, mas também serve comida vegana, possui um interior muito agradável e com uma aparência elegante.

Mas convenhamos, a comida servida é o que fará você querer voltar todos os dias, para provar os outros pratos. Juro para você, que o simples fato de escrever sobre esse restaurante aqui, já estou salivando. (risos)

Tenha cuidado ao fazer o pedido, pois a quantidade de cada prato é muito grande e geralmente serve mais de uma pessoa, os funcionários podem ajudar nisso.

Além disso, tem uma brinquedoteca na lateral, com meninas queridas, que são super carinhosas com as crianças.

Quanto tempo ficar

Certamente não sou a melhor pessoa para falar quanto tempo ficar. Porque sou daquelas que sempre quero ficar um pouco mais.

É óbvio que isso depende muito da sua disponibilidade, assim preferimos, sempre que podemos, ficar mais tempo e aproveitar mais calmamente o local.

Mas caso tenha os dias contado, acreditamos que 4 dias inteiros são suficientes, claro, que tirando o dia de chegada e partida.

Depois que você olhar os passeios oferecidos, ficará mais fácil a sua decisão sobre o número de dias necessários ou desejados por você, já que não é possível fazer dois ou três passeios no mesmo dia.

Lago Argentino

A história do lago mostra alguns erros de descobertas, como gosto de saber da história dos lugares, assim compartilho o que aprendi com você.

Em 1873, o marinheiro Valentín Filberg chegou ao lago, contudo não lhe deu um nome, acreditando que se tratava do lago Viedma, descoberto em 1782, por Viedma.

Foto do lago Argentino
Estou realmente pensando em trocar de emprego e tornar-me fotógrafa.

Entretanto 4 anos depois, Francisco Moreno e Carlos Moyano perceberam o erro de Filberg e decidiram chamá-lo de “Lago Argentino”.

A saber é o rio Santa Cruz que dá origem ao lago Argentino e esse desagua no oceano Atlântico. O lago é composto por um corpo principal e algumas ramificações: Upsala, Norte, Sul e Rico.

Inacreditavelmente, a profundidade do lago varia de 35 a 1000 metros. Além disso, a sua coloração azul turquesa é de encher os olhos e o coração.

Formação dos Glaciares

Surpreendentemente, na Patagônia existem cerca de 300 glaciares, sendo o Perito Moreno um dos mais conhecidos.

Glaciar Perito Moreno visto de longe.
A primeira parada para admirar o Glaciar Perito Moreno.

A saber, um Glaciar consiste numa grande e espessa massa de gelo formada em camadas sucessivas de neve que foi compactada e recristalizada.

Todavia, essa formação foi ocorrendo durante várias épocas e o processo se dá quando a acumulação de neve é superior ao degelo.

Entretanto, não pense você que após a formação, o glaciar fica paradinho, na verdade ele é dotado de movimento e se desloca lentamente, em razão da gravidade, relevo abaixo, provocando erosão e também sedimentação glacial.

Glaciar Perito Moreno

O Glaciar Perito Moreno é a maior geleira da Patagônia Argentina, localizado a 80 km de El Calafate. Por certo o seu nome é uma homenagem a Francisco Pascasio Moreno, que o nomeou como citei acima.

A saber, o glaciar está localizado no Parque Nacional Los Glaciares e é considerado uma das reservas de água doce mais importante do mundo, declarado Patrimônio da Humanidade em 1981, pela UNESCO.

Placa na entrada da passarela do Perito Moreno, indicando as trilhas.
Aqui você escolhe que trilha seguir.

Atenção, mesmo que você tenha pago à empresa pelos passeios, você deve levar dinheiro para pagar a taxa cobrada na entrada no Parque Nacional Los Glaciares.

Assim que você visualizar o Glaciar, ficará, com toda certeza, impressionado e confirmará o que vou dizer agora: Nenhuma foto consegue revelar a grandiosidade e beleza do lugar.

E sabe o que é melhor? Entre as três maiores geleiras, sendo essa a terceira, talvez provavelmente, seja a de mais fácil acesso, sem escaladas e apenas uma hora e meia da cidade El Calafate.

No caminho até o Perito Moreno, você já se apaixonará pela paisagem, vista da janela do carro ou ônibus, e assim se encantará tanto, que você nem perceberá que gastou uma hora no percurso.

A saber, sobre as dimensões, o Perito Moreno conta com mais de 250 quilômetros quadrados de área. Com 5 km de frente e 60 metros de altura.

Desprendimento dos blocos de gelo no Perito Moreno

Ver e ouvir um bloco de gelo se desprendendo é mesmo mágico. Aliás se você não estiver preparado, poderá, inclusive, levar um susto, tamanho barulho que se faz quando a placa de gelo cai na água.

Glaciar Perito Moreno
Mesmo que você diga: UAU!, garanto que ao vivo é 1000 vezes mais lindo.

Certamente, se você nos acompanha por aqui ou nas redes sociais já sabe que tenho uma ligação direta com o Universo.

E se tiver interesse leia o post: Como se tornar a vizinha da grama verde, verá como essa ligação com o universo é bem próxima e estreita. E aprenda como se tornar tão próximo dele também.

Então vamos lá, mesmo que muitos turistas não tenham presenciado esse desprendimento, no pouco tempo que ficamos ali nos maravilhando com tamanha beleza, assistimos vários deles, tanto pequenos quando grandes.

E assim podemos falar inclusive do barulho ensurdecedor que todos falam e poucos presenciam. Gratidão Universo!

Fato que intriga sobre o Glaciar Perito Moreno

O Glaciar Perito Moreno é a única geleira do mundo que ao invés de reduzir de tamanho, aumenta. Crescendo uma média de 2 metros por dia. Entretanto ela também perde uma quantidade proporcional de massa diariamente, o que lhe garante o equilíbrio.

Glaciar Perito Moreno
Mais uma foto linda, para lhe encher os olhos.

Os fatores ainda não são totalmente compreendidos pelos estudiosos dos glaciares. Os outros glaciares da região, entretanto, estão a recuar ano a ano, como consequência do aquecimento global.

Como conhecer o Perito Moreno

1. Passarelas do Perito Moreno

Certamente você deveria começar por aqui, pois é a melhor primeira vista do local que você deveria ter.

Glaciar Perito Moreno visto da passarela.
O gigante Glaciar Perito Moreno.

Escolhemos a passarela de 7 km, mas prefiro me concentrar em 7 km de pura beleza natural.

Passarela Glaciar Perito Moreno
Descendo as escadas da passarela. Observe o piso de aço.

Embora você possa pensar que 7 km é longo, não é um percurso pesado, podendo ser feito por crianças e adultos, com várias escadas no caminho.

Você pode estar pensando é a acessibilidade? Então veio uma surpresa boa, pois também fiz essa pergunta, e acredite, existe um outro trajeto para cadeirantes, sem nenhuma escada, inclusive com elevadores em alguns pontos.

Parabéns pela inciativa, já que muitos lugares mesmo sendo tão conhecidos e turísticos não têm a mesma preocupação com o tópico acessibilidade.

Uma dica mega, mega importante: não vá de sandálias, botas ou tênis escorregadio. Pois a passarela é toda de aço com uns buraquinhos para escorrer o gelo no período do inverno e mesmo sem neve, escorrega imenso.

Escadas Passarela Glaciar Perito Moreno.
Você não só desce, mas também sobe. Força e avante.

Só para exemplificar, minha mãe na época, estava com 67 anos, levou uma queda, por sorte não se machucou.

E assim, deixo aqui outra dica mega importante, as pessoas que acham que ir só ali na Argentina, não necessita de seguro viagem, nestas horas agradecerá por ter feito o seu.

Com intuito de lhe trazer informações, fizemos um post sobre a importância de adquirir um seguro viagem e saiba que existe um seguro para destinos onde vai se praticar aventuras. Verifique a cobertura do seu e vá ser feliz.

Ir até a passarela de carro ou com uma empresa?

A vantagem de ir no seu próprio carro é, em primeiro lugar, não ter que ficar preocupado com o tempo que você deseja ficar ali.

Assim, você pode sair pela manhã, almoçar no restaurante que tem no local, fazer mais de uma trilha e voltar para tentar presenciar algum desprendimento de gelo, que ocorre com mais frequência no fim de tarde.

Em segundo lugar, como no percurso você vai se deparar com colinas, campos e lagos azuis, terá vontade de parar e aproveitar a vista e estando de carro isso será possível e prazeroso.

Foto do lago Argentino
Umas das lindas paisagens que passou pela janela do ônibus.

Entretanto, se for com uma empresa, pode fazer o mesmo percurso por toda passarela e ainda descansar dentro do ônibus.

Assim, optamos por fazer todos os passeios com a empresa Brasileiros em Ushuaia, foi excelente e não achamos nada corrido. De tal forma que conseguimos tirar inúmeras fotos e fazer o percurso tranquilamente, mesmo com uma idosa e uma criança de 7 anos.

O ônibus passa no seu hotel pela manhã, para lhe pegar, e lhe devolve após o passeio, mas saiba que lhe devolverá com o coração transbordando de felicidade por ter presenciado uma beleza natural tão magnífica.

Restaurante no final da passarela – Perito Moreno

Decerto, se você já nos conhece, sabe desta informação, mas repito para quem nos visita pela primeira vez, uma das coisas mais importantes para o Blog é sempre falar a nossa real percepção sobre os lugares, por isso não colocamos maquiagem nos locais e não usamos filtros nas fotos.

Passarela do Glaciar Perito Moreno
Restaurante estratégico no fim da passarela do Glaciar Perito Moreno.

Então, aí vai a real sobre esse restaurante, como esse passeio, parece ser feito por todas as empresas, diferente do mini trekking e do passeio de barco, onde tem um número limitado de pessoas, prepare para a super lotação.

O local fica no fim da passarela e todos parecem chegar lá ao mesmo tempo, entretanto não tem lugares para acomodar todos os turistas.

Mas mesmo assim você pode comprar umas empanadas, que eu particularmente adoro, e comer, em pé, dentro ou fora do restaurante apreciando o maravilhoso lago.

2. Safári Náutico para ver os glaciares

O passeio consiste em uma navegação pelo Lago Rico até as proximidades dos blocos de gelo dos Glaciares.

Barcos esperando os turistas para fazer o passeio náutico até o Glaciar  Perito Moreno.
Dia frio, mas fomos assim mesmo, já que não tem dias quentes aí.

A excursão dura em torno de 45 minutos e inegavelmente você vai amar e se surpreender ao ver as paredes de gelo por uma outra perspectiva.

Embora você esteja dentro do barco, no caminho você também poderá tirar inúmeras fotos de icebergs que se soltaram ao longo do tempo. O barco vai parar em alguns pontos para que você se deslumbre com as cores.

Iceberg do Lago Argentino, próximo ao Glaciar Perito Moreno
Prepare-se para tirar 5000 fotos de Icebergs, de formas e cores diferentes.

Neste passeio você avistará os glaciares Upsala, Speganizzi y la bahía Oneli. Cada qual com a sua beleza única.

Neste passeio, o pessoal do barco guarda uma pedra de gelo que se desprendeu ao longo do tempo e assim você terá a oportunidade de pegar num gelo glacial formado a mais 500 anos atrás. Isso é mesmo incrível!

Gelo Glacial do Perito Moreno de 500 anos.
Estávamos só brincando de morder um gelo Glacial de mais de 500 anos.

3. Mini Trekking sobre o Perito Moreno

Esse é o passeio para fechar a sua ida até El Calafate com chave de ouro. Pois você já apreciou o Glaciar Perito Moreno de cima, de baixo , via navegação e que tal andar por cima dele, fazendo um mini trekking.

Mini trekking no Glaciar Perito Moreno.
Uma experiência única.

A empresa que faz o passeio colocará grampos amarrados nos seus sapatos para que você não escorregue e vá dar um mergulho nas profundas rachaduras do gelo. Brincadeira, só para descontrair, a empresa lhe leva por lugares seguros e será uma das suas melhores experiências de vida.

Além de aprender muito sobre a fauna e flora, você também aprenderá sobre os glaciares, sua formação e sua ruptura.

Dois copos de whisky no fim do percurso do Glacial Perito Moreno.
Podendo comemorar no final a sua experiência maravilhosa.

Existem outros passeios oferecidos pela empresa, que você pode conferir na página deles: Brasileiros em Ushuaia.

Atenção

Neste artigo dei várias dicas, mas se você não anotou, vai aí a chance de fazer isso ou salvar nos favoritos.

Embora já tenha falado, vou repetir, como esse é um dos poucos lugares do mundo, que indicamos ir justamente em alta temporada, quando todos os turistas farão o mesmo, algumas dicas deixam de ser dicas e passam a ser procedimentos “obrigatórios”.

Você chegará ao local querendo fazer todos os passeios existentes, todavia, devido a quantidade permitida de pessoas por passeio e empresas que realizam os passeios, não deixe de reservar tudo com antecedência, caso contrário, poderá voltar sem realizá-los.

Fizemos os passeios com Brasileiros em Ushuaia e por que recomendamos? Porque eles são brasileiros, assim falam português e ainda dividem o valor dos passeios no cartão.

É uma empresa grande e apesar de ter Ushuaia no nome, faz passeios em vários lugares, a saber: El Calafate, Ushuaia, Bariloche, El Chaltén, Buenos Aires, Mendoza e Puerto Madryn.

Não deixe de fazer um seguro viagem. Aliás, expliquei anteriormente a importância de ter um seguro com uma boa cobertura, portanto faça uma cotação.

Sendo assim, é possivel através do link comparar os preços e as coberturas.

Dicas sobre o que comprar

Não encha a sua mala com roupas de frio compradas no Brasil, pois elas não servem para lhe proteger do frio de lá, sem falar do vento local.

Sempre levo um agasalho que corta o vento e cabe num saquinho, blusas segunda pele e calça térmica que comprei pelo Amazon.

Enfim a última dica e tão importante quanto, leve os tênis ideais e não economize logo nesse item, vá por mim!

Esses foram os tênis que comprei também pelo Amazon, são os recomendados para atividades de aventura e trekking (Marca Timberland) e não tenho reclamação alguma, sobretudo lembre-se de comprar um número maior para usar com meias grossas.

São confortáveis e não fiquei com nenhuma umidade nos pés, pense como um investimento, pois vão durar muito mesmo. Já perceberam que sou a louca do Talvez provavelmente não saiba, mas o número de postagens que escrevemos por mês já é grande e tende a aumentar, colocar valores que paguei durante a viagem, sem atualizações constantes, pode lhe induzir a pensar naquele valor pago como certo para o período que você viajará.

Então, prefiro colocar o local e como comprar os ingressos, assim você pode ter acesso aos valores reais para o período que vai viajar.

Assim termino o post sobre a oitava maravilha do mundo


Você conhece El Calafate e as maravilhas existentes nas suas proximidades? Ou ficou com vontade conhecer?

Tem dicas para compartilhar com a gente e com outros leitores? Ah, sugestões e críticas também são bem-vindas!

Se deseja ajuda na organização da sua viagem, inclusive com reservas de hotéis, passeios e passagens aéreas, estamos prontas para lhe atender.


Selamos pela qualidade da sua leitura

Optamos por manter o site limpo de propaganda, pois acreditamos na nossa missão de levar um conteúdo de qualidade e não seria justo com o leitor ter várias caixas de distrações. Entretanto, se você quiser colaborar com o site do Agarre o Mundo, pode organizar toda a sua viagem através dos nossos parceiros, e você não gastará nenhum real a mais por isso e ainda ganhará desconto em alguns serviços.

parceiros

Saiba que podemos lhe ajudar em toda a sua viagem, e ainda se desejar um roteiro para curtir sua viagem, sem nenhum trabalho para organizar, basta contactar com o Blog.

Montamos desde roteiro personalizado e exclusivo conforme o perfil do viajante, até uma viagem completa, incluindo restaurantes, dicas de compras, chip, etc.

Beijinhos e até mais



Kenia Miranda

Brasiliense, sempre disposta a aprender e descobrir o novo, com um apreço enorme por novas culturas e costumes. Apesar de ser formada em Odontologia, está sempre buscando novos caminhos e novos aprendizados. Uma das suas frases preferidas: "Minha alma é muito livre para ficar presa seja lá no que for."

Veja também

Compartilhe


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

VOLTAR AO TOPO
error: Content is protected !!